Apagar

ACONTECE

NOTÍCIAS ANTERIORES

Temer já tem novo desenho da equipe econômica e decide até segunda

O presidente Michel Temer está disposto a dar um sinal claro da continuidade da política econômica de Henrique Meirelles, mesmo após sua saída do comando da Fazenda. Para isso, nomeará os auxiliares diretos do ministro para os dois principais cargos da área. A decisão deve ser tomada na segunda, véspera do anúncio da saída de Meirelles do cargo.

Na Fazenda, assumirá a cadeira do chefe o atual secretário-executivo, Eduardo Guardia, considerado substituto natural e executor rigoroso da política estabelecida por Meirelles. O redesenho da equipe prevê instalar no comando da economia uma espécie de dobradinha de assistentes do ministro que sai, com a transferência de Mansueto Almeida para o Ministério do Planejamento. Ao contrário do que se especula, não existe qualquer tipo de disputa entre o Secretario de Acompanhamento Fiscal e Guardia.

Segundo esta formulação, Dyogo Oliveira, atual titular do Planejamento,  assumirá no BNDES,  onde passa a comandar os investimentos prioritários para o governo, durante seus nove meses finais. O hoje ministro tem o apoio do antecessor, Romero Jucá, a quem a idéia será apresentada.

No governo, brinca-se que Dyogo Oliveira, nesse caso, “vai cair pra cima”. Trata-se de uma referência à compensação financeira que a troca de papéis poderá trazer ao ministro, depois quase dois anos no comando do Planejamento, onde assumiu após rumorosa saída de Jucá. Os vencimentos mensais de um presidente de instituição financeira ultrapassam os R$ 70 mil, enquanto, como ministro de Estado, Dyogo está sujeito ao teto constitucional e tem salário na casa dos R$ 15 mil.

Publicado em 27 Mar 2018 23:53:52
Fonte: http://noticias.r7.com/blogs/christina-lemos/2018/03/27/temer-ja-tem-novo-desenho-a-equipe-economica-e-decide-ate-segunda
Compartilhar
Twittar
Compartilhar

Copyright © 2016 LISTAMERCOSUL

Engenho de imagens